[[skiptomaincontent:Smurfit.default.PageStructure]]
2020-11-09T00:00:00

Smurfit Kappa intensifica metas de Mudanças Climáticas ao direcionar emissões 'Net Zero' até 2050

A Smurfit Kappa anunciou hoje novas metas para reduzir ainda mais suas emissões de CO2 fóssil, incluindo sua intenção de atingir o modelo Net Zero até 2050. Além disso, a companhia também aumentou em 15 pontos percentuais (para 55%) os objetivos intermediários de redução de CO2 traçados para 2030, em comparação com a linha de base de 2005. A empresa terá as novas metas validadas pela iniciativa Science Based Target, conforme os objetivos do Acordo de Paris.

A Smurfit Kappa é líder de mercado em sustentabilidade desde 2005. Antes do anúncio de hoje, a empresa já havia alcançado redução de 32,9% de emissão de CO2 em sua meta para 2030, que tem teto de redução de 40%. Essa conquista impressionante resultou da implementação bem-sucedida de projetos-chave que fazem parte do plano estratégico de médio prazo da empresa.

Um deles foi a instalação de uma caldeira de recuperação líder do setor na fábrica de papel Nettingsdorf, na Áustria, que começou a operar em junho deste ano. A nova caldeira deve cortar as emissões de CO2 em mais 40 mil toneladas, o que se traduz em uma redução adicional de 1,5% nas emissões de CO2 em toda a empresa.

Falando em nome da Smurfit Kappa, Tony Smurfit, CEO do Grupo, disse: “Estamos orgulhosos de apoiar os objetivos do Acordo Verde da UE para alcançar o modelo Net Zero até 2050. Fizemos um bom progresso em nossas metas existentes e nossas novas metas sublinham a continuidade da organização com a sustentabilidade e o compromisso de fazer o melhor pelo planeta.

“A sustentabilidade tem estado no centro de nosso negócio por décadas. Queremos liderar desde o início e elevar a barra para a indústria de papel e embalagem, estabelecendo metas ambiciosas. Este é um motivo de orgulho para todos os nossos clientes e funcionários. ”