Tal como muitos outros websites, utilizamos cookies e armazenamos cookies no seu computador. Esses cookies são utilizados para melhorar o nosso website e para lhe fornecer serviços mais personalizados, no website e através de outros suportes. Para obter mais informações, consulte a nossa Política de Cookies.

Al parecer usted está utilizando un navegador desactualizado.  Para mejorar su experiencia de visualización, por favor descargue un navegador actualizado  (IE8+, Firefox, Google Chrome o Apple Safari).

Papel

Instalações modernas para avaliar polpa, papel e cartão no que diz respeito a resistência, impressão, operacionalidade e propriedades químicas 

Estas instalações incluem:  

  • Um laboratório completo para todas as medições de papel tradicionais no clima padrão 

Fornece medições de resistência como compressão, tensão, rasgo, rebentamento, ligação da folha e também diferentes avaliações da superfície e propriedades ópticas. O laboratório também tem a possibilidade de medir as propriedades mais comuns para cartão canelado. Todos os testes são realizamos num clima padrão bem controlado de 23˚C/50%HR.

  • Caracterização das propriedades do papel em climas não-normalizados

As salas de climatização grandes permitem-nos avaliar os papéis nos ambientes que correspondem ao uso final dos produtos do consumidor, quer sejam utilizados em climas tropicais ou em armazenamento frio. O tamanho das salas permite-nos efectuar as medições reais num ambiente climatizado, não só o processo de acondicionamento.

  • Desenvolvimento do teste não-normalizado

Métodos internos para a caracterização não-normalizada, por ex.: resistência à compressão durante o carregamento a longo prazo, resistência à fissura, resistência à superfície e a juntas de cola, propriedades que estão relacionadas com a operacionalidade nos processos do cliente e à vida útil do produto final. Os profundos conhecimentos de mecânica do papel bem como técnicos com formação mecânica e em TI, permitem-nos simular o processo e a cadeia de fornecimento dos nossos clientes, a partir dos quais desenvolvemos as propriedades únicas do nosso papel.

  • Microscópio de Electrões de Análise (SEM)

O SEM oferece um panorama dos mais pequenos detalhes do papel, mas também pode ser utilizado como uma ferramenta para analisar a estrutura química da superfície do papel. Em combinação com o microscópio de luz, é uma ferramenta poderosa para investigações relativamente a revestimento e impressão, bem como para resolver problemas com questões difíceis de colagem e impurezas. 

  • Laboratório para a capacidade de impressão e revestimento

No nosso laboratório de impressão, temos a possibilidade de avaliar a interacção entre a tinta de impressão e o substrato de papel com, por exemplo, medições da energia da superfície. O laboratório também se encontra equipado com todos os métodos necessários para as avaliações de impressão, por ex.: a densidade da cor, o ganho de pontos, formação e aparência. No laboratório de revestimento temos equipamento para a avaliação e o desenvolvimento de cor manual e de revestimento.

  • Laboratório de química

O equipamento de laboratório avançado permite-nos descobrir e quantificar compostos químicos, quer no papel quer no processo de fabrico de papel. Estas ferramentas úteis servem para garantir que o equilíbrio químico no processo é o adequado e também que a composição química no papel é a adequada para alcançar a máxima resistência, de modo a que não estejam presentes quaisquer substâncias nocivas.

O laboratório também é acreditado para a análise de determinados ambientes.

  • Laboratório de celulose avançada

Proporciona a possibilidade de simular todos os passos do processo de fabrico de papel, desde a digestão, branqueamento e refinação até à produção de folhas de papel. No nosso formador de folhas podemos produzir folhas anisotrópicas e de múltiplas camadas, comparáveis aos papéis fabricados por máquinas, o que o torna numa ferramenta perfeita para a avaliação de diferentes matérias-primas e novos aditivos.

Lars Henriksson - Vice-Presidente do Desenvolvimento de Produtos

"Inovação é quando alimenta uma nova ideia, desenvolve-a para algo de valor e distribui-a no mercado"

Mais de Lars